Senador Jean reafirma importância dos países árabes para o Brasil

O líder da Minoria e presidente do grupo parlamentar Brasil- Países Árabes, Senador Jean Paul Prates (PT-RN), defendeu, nesta segunda-feira (04), a importância das boas relações entre o Brasil e paises árabes durante o Fórum Econômico Brasil & Países Árabe, que ocorre em São Paulo. A Câmara setorial tem sido fundamental no aprimoramento dessas relações e comemorou sete décadas de existência no último sábado, 02 de julho.

“A Câmara Árabe no Brasil é uma das mais ativas que conheço, com mecanismos efetivos não apenas de aproximação entre os países como de operacionalização do comércio, logística e registro dessas relações. Não me canso de parabenizar a Câmara de Comércio Arabe-Brasileira pelo seu trabalho que se estende há mais de 70 anos”, disse o parlamentar, que participa, nesta segunda, do Fórum Econômico Brasil & Países Árabes.

Intercâmbio

O Fórum Econômico Brasil & Países Árabes debate o desenvolvimento e aplicação de novas tecnologias na preservação, crescimento e fortalecimento das relações comerciais entre Brasil e Países Árabe.

O intercâmbio entre Brasil e o mundo árabe vem crescendo de forma sustentável baseada na complementariedade de benefício recíproco. Em 2021 o comércio bilateral atingiu cerca de US$ 24 bilhões, sendo US$ 14 bilhões de exportações brasileiras, e US$ 10 bilhões de importações originárias dos países árabes.

“Os países árabes mostram muito interesse em saber como será uma eventual transição para um novo governo no Brasil. Todos demonstram muito carinho e reconhecimento pelo ex-presidente Lula e veem na perspectiva de sua eleição um bom horizonte para a relação com o Brasil”, destacou o parlamentar potiguar.

O embaixador da Palestina no país, Ibrahim Alzeben – Decano dos Embaixadores dos Países Árabes no Brasil, destacou mais uma vez a importância das relações diplomáticas entre os países. “Temos grandes ambições de acelerar o comércio e as relações de investimento entre o Brasil e as nações árabes, assim como acreditamos no reconhecimento mútuo da urgência de uma solução para a questão palestina”, declarou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *